Rubens Lima

Um poeta que é apaixonado pelo que é e pelo que faz.

Textos


SHI-RA
 
Shi-ra, foi o nome que ela recebeu,
Juntamente com seu companheiro Trovão.
Seus nomes saíram dos desenhos animados,
Que eles viam na televisão.

Foram longos, limitados, anos
Os quais, ela nos pastoreou.
Ela tinha ciúme da menina,
Que do menino se aproximou.

Pra ela os meninos eram dela,
Seu instinto era proteger.
Procedimento instintivo,
Que só uma mãe pode entender.

Para todo ser vivente o tempo é implacável,
Pra nossa querida Shi-ra, não foi diferente.
Sua juventude passou rapidamente,
Com a chegada da velhice, ela ficou doente.

Shi-ra foi uma cadela harmoniosa,
Protetora e valente, sem ser hostil.
Com suas orelhas levemente pontudas,
Dava a ela um belo e imponente perfil.

Com o passar dos anos ela não mais se equilibrou,
Seus membros traseiros em diagonal não mais se movimentaram.
Mesmo assim ela se manteve protetora e valente;
Na verdade nossa protetora Shi-ra estava terminalmente, doente.

Grunhindo, nos pedia socorro,
Durante a noite não conseguia dormir.
Após quatorze anos a hora da sua despedida chegava,
Cabendo a mim a triste decisão de antecipar seu partir.

"-Shi-ra, hoje quando abri o portão da nossa garagem,
Senti uma profunda saudade por não mais te ver..."
E pra eternizar sua existência e amizade entre nós,
Fiz essa singela homenagem com carinho pra você.
 
Rubens Lima
Enviado por Rubens Lima em 19/10/2013
Alterado em 12/03/2018


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras