Rubens Lima

Um poeta que é apaixonado pelo que é e pelo que faz.

Textos


                INFÂNCIA QUE EU TIVE
 
 

 

Hoje eu senti saudades,
Da cidade em que nasci.
Da infância que eu tive,
E de tudo que lá eu vivi.
 

Eu acordava bem cedinho,
Pra na fazenda ir buscar.
O leite e as verduras,
Para nos alimentar.
 

Soltava pipa no morro,
Jogava bola de gude e rodava pião.
Brincava de bandeirinha,
Pique esconde e garrafão.
 

Com duas latas e um barbante,
Eu fazia um telefone.
Brincava de pera, uva e maçã...
E acreditava existir lobisomem.





Tomava banho de rio,
Tirava goiaba no pé.
Craque eram os bons de bola:
Jairzinho, Garrincha e Pelé.
 

Todo menino trabalhava,
Não havia proibição.
Os pais educavam seus filhos,
Sem a estatal intromissão.

 
Rubens Lima
Enviado por Rubens Lima em 22/07/2017
Alterado em 11/03/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e o link para o site "www.rubenspoeta.com"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras